Top 5PreçoMudança
CBIBF10 6007,07%
ORGT1 7006,25%
BNBC1 0505,00%
UNXC4504,65%
PALC6 2504,17%
Flop 5PreçoMudança
CABC1 000-4,76%
SCRC500-0,99%
PRSC2 285-0,65%
SHEC790-0,63%
CIEC1 885-0,53%
Atividades de mercado
Valor das transações1 873 000 599 FCFA
Capitalização de ações8 349 914 184 059 FCFA
Capitalização das obrigações10 310 682 502 932 FCFA
BRVM-C224,441,35%
BRVM-30112,501,44%
BRVM-PRES104,341,83%

Quais são as taxas aplicáveis ?

Para cada transação, o intermediário do mercado de capitais envia uma “nota de execução", um documento que comprova a execução adequada da ordem. Ela indica o número de títulos comprados ou vendidos, o preço ao qual a ordem foi executada, as comissões sobre as transações no mercado de capitais para a BRVM e o Depositário Central/Banco de liquidação (DC/BR), as taxas de corretagem para o intermediário do mercado de capitais e o montante líquido da transação.

As taxas de corretagem para o intermediário do mercado de capitais definidas nas tarifas das SGI que ele deve disponibilizar a todos os investidores na abertura da sua conta ou quando uma modificação é efetuada.

Cada SGI tem a liberdade de fixar as suas tarifas, mas as tarifas são homologadas pelo Conselho Regional de Poupança Pública e Mercados Financeiros (CREPMF), autoridade de tutela do mercado.

Atualmente, as comissões sobre as transações no mercado de capitais para a BRVM e o Depositário Central/Banco de liquidação (DC/BR) são 0,2% e 0,1% do montante da transação que deve ser paga pelo comprador e pelo vendedor.